Em primeira pessoa

Raízes mágicas

por Heloisa Prieto
24 de junho de 2015


220154-apocalyptic-and-post-apocalyptic-fiction-ragnarkBalder, o mais belo e amoroso de todos os deuses da mitologia nórdica, filho de Odin, o senhor do universo, é traído por Loki, o irmão ciumento de seus poderes de atração. Sua história, na qual o jovem é vitimado por um ardil covarde, capturou minha imaginação de garota. Eu gostava de compará-la ao drama bíblico de Caim e Abel, no qual dois irmãos também rivalizam pelo amor do pai. Eventualmente, entrei em contato com um terceiro filho de Odin, o magnífico Thor, deus dos trovões. Ao contrário de Balder, frágil em sua pureza, Thor é irado, guerreiro e desconfiado o suficiente para enfrentar as artimanhas de Loki, o deus da intriga. Não apenas a complexidade do mito de Thor que, como as tempestades, é benéfico e perigoso ao mesmo tempo, as figuras das esplêndidas Valkírias, as amazonas das nuvens, fascinavam minha imaginação a ponto de dissipar meus medos infantis de raios e trovões.

Os mitos nórdicos inspiraram peças de teatro, operas clássicas, histórias em quadrinhos, desenhos animados, seriados, filmes e toda a estética do rock heavy metal. Fragmentos de narrativas repletas de símbolos constituem uma herança mítica por meio da qual os conflitos e metáforas funcionam como passagens secretas a conduzir para um conhecimento milenar.

Lobos-de-Loki_capaEm Lobos de Loki, conheceremos Matt, garoto que, aos 13 anos, levava uma vida normal. Embora tivessem lhe dito que ele era um descendente direto de Thor, o grande deus do trovão, ele jamais imaginou que estivesse realmente destinado a enfrentar Ragnarök, a batalha final. Para o leitor, a saga do garoto contemporâneo diante de uma herança mítica será motivo para desvendar a trama das guerras e disputas dos deuses nórdicos, suas grandezas e seus desastres.

Sutis como são os mitos mais poderosos, as narrativas nórdicas falam de coragem, capacidade de adaptação e sobrevivência diante de perigos constantes. Dentro de um contexto de narrativas impactantes, um dos mitos de maior alcance é o da Árvore da Vida.

Yggdrasil era a maior árvore do mundo, seus ramos subiam até os nove mundos e se espalhavam pelos céus. Suas profundas raízes desciam até a terra dos gigantes, dos dragões e a fonte das águas ocultas.

Agora, Lobos de Loki aproxima as fascinantes sagas nórdicas do mundo contemporâneo. Aventura, ação e suspense nessa jornada em que deuses e garotos caminham lado a lado. Livros são feitos de árvores. Os desafios que Matt precisa encarar formarão passagens secretas e imaginárias para que as raízes mágicas de Yaggdrasil, a árvore do conhecimento, encontrem solo fértil na imaginação dos leitores. A cada página percorrida, maior a capacidade de sonhar.

cf23d605-6693-428d-86d3-8f7d521d4a28heloisaokHeloisa Prieto 

Autora e Doutora em Literatura Francesa, Heloisa Prieto é apaixonada por literatura fantástica, ação e suspense. Já recebeu diversos prêmios e teve obras adaptadas para o cinema e para o teatro. Pela Rocco Jovens Leitores, lançou Lenora (2008), Anita Garibaldi (2013) e Ian (2015).

 

Tags1: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *