Em primeira pessoa

O livro e o digital

por Lúcia Reis
1 de dezembro de 2015


Quando fiquei sabendo que tínhamos o direito de publicar em e-book o livro A bela e a adormecida, de Neil Gaiman, fiquei muito empolgada, pois sou fã de carteirinha do autor. A edição impressa, feita em co-print, estava tão linda e bem acabada que tomamos como dever manter a beleza da edição em sua versão digital. Mas para isso, como sempre, seriam necessários várias edições e ajustes que passaram por diversos profissionais da editora.

Para começar, tivemos que pedir ao departamento de arte que editasse todas as imagens, pois na versão impressa foi utilizada uma cor especial que precisaria de um equivalente que funciona no esquema de cor utilizado nos e-books, o RGB. Outro problema é que na impressão, como o dourado é impresso primeiro e depois o preto, as imagens estavam todas com a camada do dourado por cima dos detalhes em preto e isso danificava algumas imagens, perdendo os detalhes da ilustração. Pedimos que alterassem isso também, para podermos ter as imagens no e-book com os mesmo detalhes da versão impressa do livro físico.

imagem2 (2)

Recebidas as imagens, ainda foram necessários ajustes dentro da nossa rotina de produção, pois como os traços das ilustrações eram muito delicados, se perderiam em telas de e-ink, que exibem as imagens em p&b. Todas as imagens passaram por novo tratamento, selecionando os trechos que ficavam prejudicados na tela e-ink e ajustando de forma que se tornassem mais visíveis, sem estragar também a delicadeza do traço.

Passado o longo processo de edição, as imagens continuaram nos dando trabalho, pois muitas imagens estavam dispostas com o texto em seu entorno. Esse posicionamento de imagens é possível no e-book, no entanto, é preciso ter muito cuidado e efetuar muitos testes para que o texto não se sobreponha à imagem.

imagem2 (1)

Para fazer com que a imagem fique nessa posição precisamos colocar o recurso de float no código, que deixa a imagem literalmente “flutuando” ao lado do texto.

Entre os cuidados que precisamos ter ao utilizar imagens com este recurso são: verificar os valores de largura e altura e testar em diversos aplicativos e dispositivos para certificar que as imagens não ficarão cortadas; delimitar o espaço que este float possuirá na página, através da declaração de um valor de width (largura) em porcentagem; colocar o recurso float num parágrafo à parte, posicionado antes do primeiro parágrafo de texto.

Colocando assim como tarefas a se seguir até parece que existe uma “receita de bolo” para a coisa, mas a verdade é que a gente descobre o que funciona somente testando. E, sei que muitos ainda vão dizer que não é a mesma coisa que o livro físico – e, acredite, eu concordo plenamente! – mas ficamos bem satisfeitos com o resultado! Espero que vocês também gostem.

Lúcia Reis é Coordenadora de Livros Digitais da Rocco.

Tags1: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *