Os veranistas

Os veranistas

Coleção Trilogia O Último Policial

Autor: EMMA STRAUB

Preço: R$ 39,50

288 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-325-3034-9

Assuntos: Ficção – Romance/Novela

Selo: Editora Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 25,50

E-ISBN: 978-85-8122-655-2

“Eu leria qualquer coisa que Emma Straub escreve. Eu passei a me importar profundamente com cada personagem deste romance e fui incapaz de dormir à noite até ter a certeza de que todos aterrissaram em segurança. E esta família permanecerá comigo por um bom tempo.”

– Elizabeth Gilbert, autora de Comer, rezar e amar

 

“Eu amei Os veranistas. É engraçado, comovente e belamente escrito.”

– Jojo Moyes, autora de Como eu era antes de você

 

“Para aqueles que não podem fugir para uma ilha espanhola nessas férias, Os veranistas pode ser o melhor paliativo. Ao virar a última página, me senti como se um período de férias chegasse ao fim:

feliz pela viagem e triste por ter acabado.”

The New York Times Book Review

Uma quinzena de férias com hospedagem numa casa confortável, com piscina, em local ensolarado, repleto de praias belíssimas, na companhia da família e de amigos íntimos nem sempre corresponde a momentos agradáveis e de lazer. Em Os veranistas, a escritora Emma Straub analisa as contraditórias relações de afeto na contemporaneidade, deslocando para Palma de Maiorca, na Espanha, um grupo de sofisticados nova-iorquinos que estão vivendo uma fase de transição de suas vidas, enquanto superam traições amorosas. O resultado é um romance encantador sobre a vida em família, a amizade e o amor.

Até a adolescente Sylvia, que se entusiasma com aquela última viagem em família, antes de mudar-se da casa dos pais para um alojamento universitário, já sofreu a desilusão da traição de uma amiga que lhe tomou um namorado. Os pais, a escritora especializada em gastronomia Franny, e o jornalista Jim, pensam em separar-se depois do breve envolvimento sexual – já encerrado – com uma estagiária, que resultou em sua demissão da revista onde era editor há 40 anos. O filho Bobby, que mora na Flórida com a namorada Carmem, uma personal trainer dez anos mais velha, preocupada com saúde e boa forma, sente os efeitos negativos da crise econômica, enquanto o casal de amigos gays, Lawrence e Charles, esperam sua vez na fila de adoção de crianças recém-nascidas.

Apesar de não conviverem diariamente, todos os integrantes do grupo mantêm o equilíbrio pessoal contando com o apoio da estrutura que os demais montam. Bobby se acomoda na segurança pessoal e profissional de Carmem, e na garantia de ajuda financeira dos pais. Franny comanda a família com pulso firme, e precisa do melhor amigo, Charles, para entender se o ressentimento que experimenta por Jim é causado pela relação adúltera do marido ou pelo desgaste do casamento. Já Charles, artista de meia-idade, está satisfeito com o cargo de tio afetivo dos filhos de Jim e Franny, acumulando Sylvia e Bobby de presentes e carinhos ao longo da infância, e reluta em atender ao sonho de paternidade de Lawrence.

Enquanto lutam com seus temores de deixar rotinas há muito estabelecidas, os veranistas, com exceção da jovem Sylvia, pressentem que a temporada de descanso será mais estressante e traumática, apesar das atrações que a região oferece. O contraponto entre os mais maduros e os que ainda têm boa parte da vida pela frente é frequente: Franny já passou pela menopausa, Sylvia escreve na agenda que um dos objetivos daquele ano é perder a virgindade. Carmem espera casar-se com Bobby, que ainda gosta de flertar com outras mulheres. Jim é tomado pela inquietação com a perspectiva de aposentadoria, já que não espera conseguir reempregar-se aos 60 anos, lamentando ter se permitido cair em tentação ao sentir o avanço da idade. Montando cenas incômodas, em que eclodem as pequenas rusgas permitidas pela intimidade entre pessoas que se conhecem profundamente, Emma Straub entrega os personagens ao leitor, que os recebe como membros de sua própria família. Os hábitos de cada um, que irritam ou encantam os demais, compõem essa extensa e intensa reunião de figuras notáveis, mas que são tão familiares quanto as que encontramos no dia a dia. Uma narrativa que hipnotiza o leitor por sua aparente simplicidade e, principalmente, pela profundidade do que discute: a dificuldade das escolhas numa sociedade em que todas as ligações podem ser facilmente desfeitas.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Emma Straub é autora de Os veranistas, bestseller do The New York Times publicado pela Rocco. Também escreveu Laura Lamont’s Life in Pictures e a coletânea de contos Other People We Married. Seus trabalhos de ficção e não ficção já foram publicados em veículos como The New York Times, The Wall Street Journal, Vogue, Elle e Condé Nast Traveler. Straub também é colaboradora da revista on-line Rookie. Sua obra foi publicada em 15 países.

Página do autor +