O livro de receitas de Eva Thorvald

O livro de receitas de Eva Thorvald

Coleção Foxcraft

Autor: J. RYAN STRADAL

Preço: R$ 39,50

320 pp. | 16x23 cm

ISBN: 978-85-325-3023-3

Assuntos: Ficção – Romance/Novela

Selo: Editora Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 25,50

E-ISBN: 978-85-8122-647-7

Saudado pela crítica estrangeira como uma estreia original e surpreendente, O livro de receitas de Eva Thorvald acompanha a trajetória de uma celebrada chef de cozinha – da infância conturbada ao estrelato – através de uma narrativa saborosa que entrelaça relatos de diferentes personagens sobre a protagonista e algumas de suas receitas favoritas, tal qual um prato preparado cuidadosamente para extrair o máximo do sabor de cada um de seus ingredientes. Nascido e criado em Minnesota, o autor J. Ryan Stradal mescla a culinária tradicional do meio-oeste norte-americano, herança dos almoços que sua avó preparava, às pesquisas científicas da atualidade sobre produção de alimentos sem o uso de agrotóxicos, para criar uma ficção que entrelaça comida, família e memórias.

Lars Thorvald sempre demonstrou aptidão para a cozinha. Na adolescência, os colegas diziam que “a cada Natal ele fedia como chão de mercado de peixe”, impregnado com o aroma do “lutenfisk”, prato tradicional escandinavo. Guiado pelo próprio instinto, o desajeitado Lars acaba descobrindo uma profissão ao se dedicar a aprimorar cada vez mais receitas tradicionais de sua família. Sua paixão pela boa comida é tamanha que, no nascimento da pequena Eva, ele submete ao pediatra da filha um cardápio requintado de refeições para a recém-nascida. Diante da recusa do médico, ele permite que a menina seja amamentada até que sua mulher, que dá os primeiros passos na carreira de sommelier, abandona a família. Com a subsequente morte de Lars quando Eva tem apenas seis meses, a menina é adotada pelos tios.

É a trajetória de Eva pelos trinta anos seguintes que se desenvolve para o leitor a seguir, sob óticas diferentes. Ainda bebê, ela já havia demonstrado ao pai ser a herdeira de seu raríssimo dom, quando derruba uma prateleira de tomates no mercado, deixando intacto, no entanto, o único exemplar “perfeito” em termos nutricionais e de sabor entre aqueles frutos. Episódios como esse são relatados, ao longo dos capítulos, por diferentes personagens que ajudam a compor, a partir de suas próprias histórias e sua relação com a protagonista, o retrato de Eva Thorvald até se tornar a celebrada chef por trás de jantares disputadíssimos.

Sem render-se aos modismos culinários pós-nouvelle cuisine, os pratos preparados por Eva Thorvald buscam a chamada “confort food”, que recriam o prazer da boa mesa que se conhece na infância – ainda que, em seus primeiros anos, a jovem chef não conte com uma família convencional. Drogas, pobreza e a luta para sobreviver fazem parte de sua história pessoal. Mas ela desde cedo percebe que o alimento é não apenas um item essencial para essa sobrevivência – ele oferece a superação, pelo prazer, de todas as carências pessoais enfrentadas não só por ela, mas por todos, e que é possível reencontrar, na comida, o aconchego, o carinho e o amor perdidos nos processos de amadurecimento de cada um.

Comente  
Instagram

O AUTOR

J. Ryan Stradal edita a seção de ficção da revista online The Nervous Breakdown e trabalha como editor de aquisições na Unnamed Press. Nascido e criado em Minnesota, atualmente mora em Los Angeles. Este é seu primeiro livro.

Página do autor +