O Dragão Pousou no Espaço

O Dragão Pousou no Espaço

Coleção Coleção Marginália

Autor: LULA WANDERLEY

Preço: R$ 24,00

160 pp. | 14x21 cm

ISBN: 85-325-1339-5

Assuntos: Psicologia/Relacionamento

Selo: Editora Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 15,50

E-ISBN: 978-85-8122-496-1

O dragão pousou no espaço traz sete histórias clínicas de pacientes com distúrbios psiquiátricos tratados por Wanderley tendo como filosofia a terapia baseada nas experiências de Lygia Clark. Esta acreditava no poder de uma arte interativa e plurissensorial, capaz de reconstruir o mundo por meio da sensibilidade, reinventando a relação original entre arte, espectador e ciência. Nesse contexto, não existe, portanto, nem o espectador (chamado de participante) nem objeto, mas sim uma confluência sensível que anula o mito do criador e abre a consciência para um novo plano de apreensão da vida.

Lygia, a princípio, atuou de maneira interdisciplinar, aliando a linguagem clássica da psiquiatria à criação dos objetos interativos num método alternativo. Mais tarde, desenvolveu uma terapia independente, que chamou de Estruturação do Self. Os Objetos Relacionais, ferramentas da Estruturação, eram instalações táteis, móveis, manipuláveis, de simples execução, com diferentes texturas, formatos e cores, aplicados no corpo do paciente, e que estabeleciam uma oportunidade de contato simultâneo com o mundo interno e externo. Os resultados, dos quais Lula extrai considerações que reforçam a idéia de uma psiquiatria mais participativa, são animadores do ponto de vista clínico.

A arte, portanto, pode ser eficaz na cura dos distúrbios, na medida em que o espectador–paciente sai da condição passiva e ajuda na criação de uma linguagem orgânica que revela a natureza da realidade. Os Objetos Relacionais proporcionam uma nova dimensão que toca a subjetividade e a fantasia, recondicionam a percepção e conseqüentemente melhoram a condição social do indivíduo que se submete à Estruturação.

Nesta obra, Lula explica detalhadamente os princípios da terapia, num estudo não-acadêmico, ilustrado com depoimentos reais e poemas dos pacientes, colhidos em nove anos de anotações espontâneas dos tratamentos que ministrou, além de descrever os avanços do seu trabalho chamado Palavragesto e o processo de criação do Espaço Aberto no Tempo, uma clínica para doentes mentais mantida por ele e demais psiquiatras.

O prefácio do livro é do crítico de arte Guy Brett e as orelhas de Benilton Bezerra, psicanalista e professor do doutorado do Instituto de Medicina Social da UERJ.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Lula Wanderley nasceu em Pernambuco, Recife. Colaborou com jornais e revistas como artista gráfico e participou de exposições como poeta visual. Simultaneamente, estudou Medicina e formou-se em Psiquiatria pela Universidade Federal de Pernambuco. Migrou para o Rio de Janeiro em 1976. Trabalhou com Nise da Silveira na Casa das Palmeiras e no Museu de Imagens do Inconsciente. Contribuiu com Lygia Clark na transposição do Objeto Relacional para uma proposta psicoterápica junto a esquizofrênicos em hospitais psiquiátricos. Com amigos, criou o Espaço Aberto ao Tempo — uma das primeiras manifestações de uma psiquiatria contemporânea no Rio de Janeiro — onde trabalha atualmente, desenvolvendo pesquisas no tratamento das psicoses com a arte como instrumento. No campo das artes plásticas, faz pesquisas com a imagem digital e realiza pequenos filmes.

Página do autor +