Missão Monstro

Missão Monstro

Coleção Coleção Marginália

Autor: EVA IBBOTSON

Preço: R$ 32,00

200 pp. | 14x21 cm

ISBN: 85-325-1499-5

Assuntos: Juvenil, Rocco Jovens Leitores

Selo: Rocco Jovens Leitores

Seqüestrar crianças não é nada correto. Etta, Coral e Mirtes sabem disso e só se lançam na aventura "por motivos nobres", como costumam dizer. Não têm nada, nada mesmo de seqüestradoras profissionais. Ao contrário, aliás, são pessoas boas e generosas. Esquisitas, também. Mas essencialmente boas. Tanto que moram numa ilha distante, cuidando de animais doentes e criaturas estranhas que buscam refúgio por lá. Isso, claro, sem contar com a dedicação ao pai idoso e à prima (não menos esquisita) que vive em uma caverna.

Na verdade, o que elas querem mesmo é alguém que possa ajudar no trabalho diário. Três crianças. Apenas três. Mais perfeito que isso, impossível. Pensando assim, partiram para Londres levando apenas uma bolsa de lona, um baú de metal e uma caixa de violoncelo. A pequena bagagem incluía também pós para fazer dormir, hambúrgueres com remédios, setas e outros adereços úteis.

Minette, Fábio e Lambert não tiveram muita escolha. Quando "acordaram" já estavam devidamente instalados na ilha misteriosa. Mas, depois de algum tempo, a adaptação poderia ser classificada quase como excelente. Minette e Fábio, por exemplo, amavam realmente o trabalho. Mas Lambert – que já nasceu enjoado – tornou-se mais intolerável, mais implicante, mais encrenqueiro e muito, muito mais enjoado.

Quando a vida começa a assumir discretos ares de normalidade, chega a notícia TIAS MONSTRUOSAS PROMOVEM ALVOROÇO, estampada na primeira página dos jornais. O país entra em pânico. Ao mesmo tempo, cartazes em delegacias, bibliotecas e abrigos de ônibus passam a anunciar uma caçada às tias seqüestradoras.

Vem tempestade pela frente. E das boas.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Eva Ibbotson nasceu em Viena e passou os primeiros anos de sua infância viajando pela Europa, entre a residência de seu pai, cientista, e a de sua mãe, romancista e dramaturga, os quais se separaram quando ela completou três anos. Quando os nazistas chegaram ao poder, sua família fugiu para a Inglaterra e Eva foi enviada para um internato. Ela planejava se tornar fisiologista, mas odiava experiências com animais e foi salva de uns coelhos ferozes por seu futuro marido. Tornou-se escritora enquanto criava seus quatro filhos. Seus romances juvenis figuram entre os mais vendidos em todo o mundo. Muitos são premiados, como Jornada pelo Rio Mar, que recebeu o prêmio Ouro da Nestlé, e A estrela de Kazan, merecedor do prêmio Prata da Nestlé e recomendado para a medalha Carnegie. A autora morreu em 2010, aos 85 anos.

Página do autor +