Era Pois Pois uma Vez

Era Pois Pois uma Vez

Coleção E quem quiser que conte outra

Autor: TERESA FROTA

Preço: R$ 37,50

56 pp. | 21x28 cm

ISBN: 85-325-1673-4

Assuntos: Infantil, Rocco Pequenos Leitores

Selo: Editora Rocco

As histórias de Era pois pois uma vez são herança de família. Vieram de muito longe. Chegaram até a atravessar o oceano. Falam de aldeias, montanhas, de gente que plantava castanheiras e morava em casas de pedra. Pessoas com roupas engraçadas, saias compridas, lenços na cabeça, e poucos sorrisos no rosto. Foram passando, de geração em geração, até ganharem o recontar de hoje, como se tivessem ficado escritas na memória.

É assim que a premiada autora Teresa Frota – vencedora de prêmios importantes de teatro infantil, como o Mambembe e o Coca Cola – lembra do tempo em que começou a ter a imaginação povoada por personagens típicos do folclore lusitano. Quando cresceu decidiu que contaria tudo novamente, do jeito dela.

Estão cá pois seis histórias tradicionais de Portugal, revelando aos leitores o riquíssimo imaginário do povo e o enorme talento de Teresa para ofício tão delicado. Era pois pois uma vez é o resultado da reunião de seis histórias, todas absolutamente deliciosas.

Tem A dama da montanha, com José, um aldeão corajoso, e os pressentimentos do bode Malaquias; mas também não dá para deixar de ler as desventuras da mulher do lavrador que não quer saber de trabalhar, e está sempre a brigar com o marido, em Os dez dedinhos; ou quem sabe conhecer A princesa cozinheira, filha mais nova de um rei, que não consegue medir com palavras o amor que sente pelo pai. Isso, é claro, sem falar em Os três conselhos (a preferida da autora); A fonte das encantadas, história de três irmãs que só podem ser desencantadas na noite de São João, a partir de uma determinada simpatia; e a do O boi de chifre dourado, um bicho que era sempre o primeiro tomar banho, o primeiro a entrar no cercado, a ter o pelo escovado e tudo só por causa de um par de chifres dourados, como dois raios de sol.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Jornalista, atriz e escritora, Teresa Frota trabalhou com um dos mais conceituados grupos brasileiros de teatro, o T.A.P.A, do qual é fundadora; também editou publicações de moda; dirigiu o Teatro Gláucio Gil, pertencente a Secretaria de Estado do Rio de Janeiro e escreveu, escreveu muito. E é essa atividade pela qual ela se declara vergonhosamente apaixonada, que sempre falou mais alto. Desde 1994 Teresa trabalha como roteirista da TV Globo, em programas como Você decide e Linha Direta, onde está até hoje. Sua peça Viravez, o cortêz recebeu o Prêmio Coca Cola, o Mambembe e o União Brasileira de Escritores, de melhor texto infantil em 94. Prêmios, aliás, são uma constante na vida de Teresa Frota que já se fez representar em todas as listas premiadas importantes do país.

Página do autor +