Dançando com o inimigo

Dançando com o inimigo

Coleção O legado de Orïsha #1

Autor: PAUL GLASER

Preço: R$ 29,50

288 pp. | 16x23 cm

ISBN: 978-85-325-2900-8

Assuntos: Biografia/Memórias/Diários, História, Segunda Guerra Mundial

Selo: Editora Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 19,00

E-ISBN: 978-85-8122-519-7

Rosie Glaser é uma jovem holandesa que transpira paixão, calor e alegria. Ela vive seus amores e suas dores com vontade e sua rebeldia a impede de parar no mesmo lugar. Rosie também vive numa época agitada e perigosa: a ascensão do III Reich. Sua herança judia vai levá-la ao maior dos infernos criado pelo homem, mas são sua força, resistência e otimismo que irão determinar seu destino.
 
Dançando com o inimigo – O segredo de minha família durante o Holocausto é a história real de Rosie Glaser, tia do escritor Paul Glaser. Nascido na Holanda logo depois do fim da Segunda Guerra Mundial e criado em família católica, ele descobre a existência de Rosie e de sua herança judia paterna ao visitar o campo de concentração de Auschwitz, na Polônia, onde avista uma mala com seu sobrenome e, intrigado, começa a explorar esse segredo de família. Suas buscas o levam a levantar e reunir um rico material sobre sua tia: diário, fotografias, cartas e anotações, além de entrevistas pessoais e pesquisa de arquivos.
 
Rosie era uma força da natureza: agitada, magnética e sedutora. Talentosa, dançava muito bem e logo tornou-se uma excelente e conhecida professora. Sua personalidade contagiante atraía muitos homens e alguns deles tiveram lugar em seu coração. Enquanto namorava e casava-se, tendo saído cedo de casa para morar com um piloto de avião de quem ficaria viúva em pouco tempo, ela via, mas ignorava os sinais que indicavam que sua bela trajetória seria brutalmente arrasada por uma conjunção política pavorosa cuja principal bandeira era o antissemitismo: o nazismo angariava simpatizantes numa Europa destruída e desestabilizada econômica e socialmente com o fim da Primeira Guerra Mundial e, logo depois, com a crise de 1929. Afinal, ela tinha raiz judia, mas não se preocupava porque não praticava a religião e as crenças judaicas.
 
Os homens foram sua alegria, e ela adorava se encontrar em estado de enamoramento. Mas foram eles também sua ruína. Quando o nazismo ascendeu na Alemanha e Hitler iniciou a invasão da Europa tomando países como a Holanda, Rosie viu-se enrascada. Seu antigo amor e agora desafeto e ex-marido, Leo, dono da escola de dança onde dava aulas, era simpatizante antissemita e não suportava ver Rosie fora de seu controle. Ele foi o primeiro a denunciá-la à temida SS. Enquanto permanecia escondida, confiou em um amante e, por isso, foi novamente traída.
 
Levada para uma série de campos de concentração, Rosie não perdeu a postura otimista. Na verdade, foi sua profunda autoestima, astúcia e carisma que a fizeram mais que sobreviver: em meio à hostilidade constante, ela seduzia oficiais e soldados com seus passos de dança, sua simpatia e educação, e terminava por obter posições e ocupações privilegiadas nos campos, usando esse fator para manter-se viva e salvar as vidas de outros tantos condenados.
 
O livro alterna os relatos de Rosie em primeira pessoa com os de Paul, mostrando os caminhos que trilhou para devolver a vida dessa fascinante mulher. Logo após a guerra, Rosie apresentou queixa às autoridades contra aqueles que a traíram e a entregaram à polícia. Os relatórios dos policiais e numerosos depoimentos de testemunhas também acabaram integrando o arquivo dela.
 
Dançando com o inimigo – O segredo de minha família durante o Holocausto mostra o que a força de caráter e o otimismo podem significar nas horas mais difíceis. Uma mensagem a ser passada adiante.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Paul Glaser nasceu na Holanda logo após o fim da Segunda Guerra Mundial. Ele compõe o conselho administrativo de várias instituições de saúde e educação e esteve envolvido no estabelecimento de um museu histórico de imprensa, um teatro regional e uma escola montessoriana.

Página do autor +