Copacabana Jones em Recordações do Futuro

Copacabana Jones em Recordações do Futuro

Coleção DC Super Hero Girls

Autor: DENISE CRISPUN E CLAUDIO LOBATO

Preço: R$ 26,50

152 pp. | 16x16 cm

ISBN: 85-325-1574-6

Assuntos: Juvenil, Rocco Jovens Leitores

Selo: Rocco Jovens Leitores

Disponível em e-book

Preço: R$ 18,50

E-ISBN: 978-85-64126-76-3

Um sci-fi carioca. O enredo de Copacabana Jones em Recordações do Futuro desenvolve-se de forma fragmentada e vertiginosa em plena cidade maravilhosa e tendo como protagonista um jovem aventureiro que se tornou um brilhante pesquisador expedicionário.

Mas quem é na verdade Copacabana Jones, capaz de descobrir registros esquecidos, e de viajar em quatro tempos diferentes? Quem é esse herói que se transporta ao passado e ao futuro, como se tudo fizesse parte de um movimento único, e que vivencia, em 2045, significativas situações em busca das próprias raízes?

Encontrado com poucos dias de vida dentro de um barco de oferendas para Iemanjá, Copacabana Jones foi adotado pelo indiano Gurum, cientista radicado há muitos anos no Rio de Janeiro. Corria a noite de trinta e um de dezembro do distante ano de 2020, no posto seis, em Copacabana. Diante da total incapacidade para lidar com crianças, Gurum inventou Robabá, o robô perfeito, que cuidava de Jones, ninando-o, velando seu sono, alimentando-o e educando-o.

Após oito anos de exílio na Índia, Copacabana Jones retorna ao Rio com a missão de encontrar seu pai e Lóris, uma amiga de infância, que teriam sido seqüestrados. Logo de saída foi difícil reconhecer a cidade. No lugar da favela, blocos de concreto pintados em cores vibrantes. Nas calçadas, mercados ambulantes, onde se podia comprar desde robôs de segunda mão a seres produzidos por engenharia genética. Nos bares um copo de água quente e duas pastilhas eram o mesmo que uma vitamina e um sanduíche. O mar ficava escondido por uma grande muralha de concreto e as ruas viraram um centro de malucos fantasiados, vivendo 365 dias por ano de carnaval.

Imprevisível, criativo, irreverente e sempre muito divertido, o livro de Denise Crispun e Claudio Lobato é, antes de qualquer coisa, uma louca e inesquecível viagem de volta às recordações do futuro. De Jones e de seus companheiros. De qualquer pessoa que passou pela cidade, daqueles que sonharam com ela e, principalmente, de quem vive, viveu ou conhece Copacabana. Se você for uma dessas pessoas, não vá se espantar quando no lugar de um dos mais célebres pontos de encontro dos boêmios do bairro, esbarrar em uma espécie de bazar, onde os vendedores oferecem estranhos souvenirs, como um par de sapatilhas que promete o milagre de transformar um alemão ou um chinês num grande passista. Coisas de Copacabana.

Copacabana Jones é avesso a pompas e absolutamente envolvido pelo espírito carioca. Segundo Jaguar, o livro tem um plano ambicioso: "o de resgatar o imaginário popular riquíssimo do Rio de Janeiro, antes que muito se perca nas esquinas do tempo."

Os autores, Denise Crispun e Claudio Lobato, experientes roteiristas de TV, conseguiram criar uma narrativa bastante ágil e visual, bem ao estilo do ritmo cinematográfico que vai agradar a jovens e adultos.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Denise Crispun é carioca. Formou-se em história em 1982, mas desde 1984 conta suas próprias histórias: tem mais de dez peças encenadas no Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte e dois livros infantis publicados. Atualmente trabalha como roteirista de TV. Copacabana Jones é seu primeiro livro de ficção científica.

Claudio Lobato também é carioca e começou a trabalhar com artes gráficas nos anos 70 em publicações independentes. É cenógrafo, ilustrador e roteirista de TV. Copacabana Jones é sua primeira incursão na literatura.

Página do autor +