Como Água de Chuva

Como Água de Chuva

Coleção Coleção Marginália

Autor: SANDRA BROWN

Preço: R$ 34,50

232 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-325-2753-0

Assuntos: Ficção – Romance/Novela, Romance Feminino

Selo: Editora Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 24,00

E-ISBN: 978-85-81221-59-5

O período da Grande Depressão nos Estados Unidos é o pano de fundo para Como água de chuva, de Sandra Brown. Ao contar a história de Ella Barron, que dirige sozinha uma pensão e toma conta do filho Solly, cujo estranho comportamento seria classificado pelos médicos anos depois como autismo, a autora fala de temas como honra, sacrifício, amor e preconceito. Narrada pelo dono de um antiquário a um casal de clientes, a trama tem como ponto de partida um relógio de estimação e prende a atenção dos leitores do começo ao fim.

Em 1934, os Estados Unidos viviam uma grave crise econômica, e o clima de desespero tornava a atmosfera propícia ao preconceito racial e à agitação popular. É nesse cenário que Ella Barron comanda a pensão que funciona em sua casa, na cidade de Gilead, no Texas, orgulhando-se de manter um ambiente com altos padrões de hospedagem. A sobriedade do local reflete a personalidade de sua dona, que vive para o trabalho e a criação de Solly, um garotinho fechado em um mundo próprio, que costuma despertar nas pessoas um misto de pena, curiosidade e medo.

Para proteger a si mesma e, principalmente, o filho, Ella se concentra no trabalho e não permite que ninguém se aproxime de sua vida pessoal. Nem mesmo Margaret, que a ajuda durante a semana no serviço de casa e, de vez em quando, toma conta de Solly, consegue ter muita abertura com a patroa. Mas a chegada de um novo hóspede, David Rainwater, promete abalar as convicções de Ella. Educado e gentil, ele está gravemente doente e se muda para a pensão por indicação do primo, Dr. Kincaid, o médico da cidade. Rainwater quer viver seus últimos dias em paz, sem despertar a piedade de ninguém.

Aos poucos, o Sr. Rainwater se aproxima de Ella e Solly, revelando habilidades do menino que até então a própria mãe desconhecia. Paralelamente, o clima em Gilead fica mais tenso a cada dia – fazendeiros outrora prósperos se veem afundados em dificuldades financeiras, e a formação de uma favela nos arredores do município intensifica o preconceito racial e social. Nem mesmo o Irmão Calvin, o novo pastor da igreja, parece conseguir acalmar os ânimos. Para aumentar ainda mais os problemas, os moradores precisam lidar com a arrogância e a crueldade de Conrad Ellis, filho de uma família rica e mimado desde a infância.

Ao longo das páginas, Sandra Brown constrói uma história na qual o amor, o caráter e a compaixão são determinantes para os rumos dos protagonistas. Como água de chuva ainda traz detalhes surpreendentes, que prometem fazer lacrimejar até os leitores de coração mais duro. É praticamente impossível não se deixar conquistar pela batalhadora Ella e torcer para que ela e seu filho tenham um final feliz.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Sandra Brown começou a escrever em 1981. Desde então, já publicou mais de setenta romances. Em 1990, Mirror Image entrou para a lista dos mais vendidos do The New York Times e o nome da autora nunca mais deixou a importante lista de best-sellers. Ao longo de quase três décadas, a escritora nascida em Waco, no Texas, já vendeu mais de 70 milhões de exemplares e seus livros foram traduzidos em 33 línguas. Sandra Brown formou-se em Inglês pela Universidade Cristã do Texas e, antes de tornar-se escritora, trabalhou como modelo, apresentadora do tempo e repórter. Atualmente, vive com o marido Michael Brown em Arlington, Texas. Dela, a Rocco já publicou Inveja, A troca, O álibi, Obsessão, Uma voz na escuridão, Tempo quente, Tiro indireto e Jogue sujo, entre outros sucessos.

Página do autor +