A Coragem de Mudar

A Coragem de Mudar

Coleção Trilogia O Último Policial

Autor: WILLY PASINI E DONATA FRANCESCATO

Preço: R$ 35,00

272 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-325-2594-9

Assuntos: Psicologia/Relacionamento

Selo: Editora Rocco

Quem nunca pensou em mudar a vida profissional ou afetiva, ou promover qualquer outro tipo de autotransformação? Com o pensamento, vêm também as dúvidas, os temores: será um sonho razoável ou muito arriscado? Como vencê-los? Existe um modo certo de lidar com a mudança? O que ela nos inspira? Ansiedade, entusiasmo, medo, esperança? Tudo isso junto? O psiquiatra italiano Willy Pasini, com a ajuda da psicóloga Donata Francescato, buscou responder a essas perguntas, que continuam pertinentes e atuais, no lançamento A coragem de mudar.

Para lidar com as reações emocionais que acompanham as mudanças que a vida nos oferece, sejam súbitas ou planejadas, os autores propõem que elas sejam feitas sempre em dois níveis, o exterior e o interior — só assim é possível criar um “círculo virtuoso”, em que um nutre o outro na busca por um futuro melhor dentro e fora de nós mesmos.

Depois de identificar alguns padrões de comportamento diante da possibilidade de mudança — nostálgico, catastrófico, camaleônico, explorador e inovador, entre outros —, a dupla desvenda os principais fatores que promovem ou inibem a mudança individual: história familiar, personalidade do cônjuge, apego ou submissão ao cargo profissional ou ao dinheiro… Em vez de sufocá-los, A coragem de mudar ensina a trabalhá-los, dando-nos os meios de transformar a própria existência e nós mesmos a um só tempo. Descobrimos que, com um pouco de flexibilidade e audácia, qualquer um pode refazer a vida, ou, pelo menos, experimentar um senso de renovação.

A primeira parte do livro chama-se “Mudar por dentro” e abrange aspectos que vão da perda de um ente querido (mudança súbita) a hábitos nocivos à saúde e à mente, passando pelas prisões interiores que atrelam as pessoas a estereótipos e/ou comportamentos repetidos ao longo da vida, até chegar às diferenças entre a vontade e a necessidade de mudar. Aqui também são abordadas as vantagens e desvantagens dos vários tipos de psicoterapia, do uso de medicamentos emagrecedores ou controladores do humor e mesmo de métodos mais radicais, como a cirurgia, na busca da felicidade que está no cerne da busca pela transformação.

Na segunda parte, “Mudar por fora”, os títulos dos quatro capítulos falam por si mesmos: O trabalho: da obrigação à criatividade; O dinheiro: nem Deus nem demônio, aliado; A escola: do ensino ao aprendizado; A saúde: da doença ao bem-estar. A partir destas questões que compõem o universo externo dos indivíduos, Willy Pasini e Donata Francescato elaboraram 20 ideias para este terceiro milênio. Simples e objetivas, elas encerram o livro e se propõem a mudar para melhor este século XXI que mal começou.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Willy Pasini é psiquiatra, sexólogo, professor da Faculdade de Medicina da Universidade de Milão, fundador da Federação Europeia de Sexologia e presidente da Associação Italiana de Sexologia e Psicologia Aplicada. Dele, a Rocco já publicou Amores infiéis — a psicologia da traição, Autoestima, Ciúme — a outra face do amor e Os tempos do coração.

Donata Francescato é psicóloga, professora da Universidade La Sapienza, em Roma, e coordenadora da Rede Europeia de Psicologia Comunitária.

Página do autor +