Capa do livro O Clube dos Suicidas

O Clube dos Suicidas

Coleção Novelas Imortais

Autor: robert louis stevenson

Tradução: Eliana Sabino

Preço: R$ 22,50

128 pp. | 14x20 cm

ISBN: 978-85-7980-007-8

Assuntos: FICÇÃO – ROMANCE/NOVELA, ROCCO JOVENS LEITORES

Selo: Rocco Jovens Leitores

Disponível em e-book

Preço: R$ 14,50

E-ISBN: 978-85-81220-17-8

Idealizada por Fernando Sabino, a coleção Novelas Imortais, que a Rocco relança com novo e ousado projeto gráfico, agora pelo selo Rocco Jovens Leitores, reúne narrativas breves de autores de grandes clássicos universais, como Miguel de Cervantes, Herman Melville, R. L. Stevenson, Gustave Flaubert, Henry James, E. T. A. Hoffmann, entre outros. São pequenas obras-primas selecionadas e apresentadas pelo escritor mineiro que voltam às prateleiras com o objetivo de difundir obras talvez menos conhecidas, mas não menos geniais, de escritores consagrados, agora ao alcance dos jovens brasileiros.

Autor de O médico e o monstro e A ilha do tesouro, entre outros romances que se tornaram célebres, Stevenson (1850-1893) foi também um prolífico novelista, poeta e autor de roteiros de viagem, tornando-se mais reconhecido pela crítica de sua época por seus relatos de aventuras ao redor do mundo do que por sua obra de ficção. No texto de abertura de O clube dos suicidas, Fernando Sabino afirma que tal preconceito, no fundo, era fruto do sucesso popular que suas tramas surpreendentes e arrebatadoras alcançavam: “Consideravam fruto de afetação o seu sucesso como homem de letras romântico e aventureiro. Com o tempo, entretanto, esta imagem se esvaneceu (inclusive fisicamente: era um feixe de ossos ao morrer) e ficou a do autor de uma das mais palpitantes e renovadoras obras da literatura universal”, diz o escritor mineiro.

Antecipando-se ao moderno romance policial, numa verdadeira “extravagância literária” para os padrões da época, O clube dos suicidas apresenta um grupo de cavalheiros que querem se matar, mas não têm coragem. No intuito de investigar esta curiosa associação, o destemido príncipe Florizel e seu fiel confidente Coronel Geraldine não sabem que, ao entrarem como sócios, podem ser sorteados a assassinar um dos membros, transformando a investigação numa complicada e sinistra aventura. Afinal, quem arquiteta esses crimes sob a fachada do clube?

Nesta novela perturbadora e envolvente, Stevenson, além de entreter o leitor e mantê-lo com os sentidos aguçados da primeira à última página, faz um minucioso levantamento dos costumes do século XIX, conduzindo a ação com admirável desenvoltura e criando personagens inesquecíveis.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Robert Louis Stevenson nasceu em 13 de novembro de 1850 em Edimburgo, na Escócia. Estudou engenharia e formou-se em direito, profissão que nunca exerceu. Sua verdadeira vocação era a literatura. Seu primeiro livro, An inland voyage (Uma viagem ao continente), foi publicado em 1878. A ele seguiram-se The Silverado squatters (Os posseiros de Silverado) e The treasure island (A ilha do tesouro) em 1883, consagrando-o mundialmente. Em 1887, com a saúde profundamente abalada por uma tuberculose, internou-se numa clínica em Nova York, onde, coberto de fama, foi recebido como verdadeiro herói. Em 1886 teve consolidada a sua fama com a publicação de The strange case of Dr. Jekyll and Mr. Hyde (mais conhecido como O médico e o monstro). Com notoriedade estabelecida no mundo inteiro, publicou Kidnapped (Raptado) e sua continuação, David Balfour, em 1893. No dia 3 de dezembro de 1894, depois de ditar durante algumas horas o romance Weir of Herminston (O açude de Herminsto), considerado sua obra-prima, caiu fulminado por uma hemorragia cerebral.

Página do autor +