Capa do livro Três amigas, no ritmo do blues

Três amigas, no ritmo do blues

Autor: edward kelsey moore

Tradução: Ana Deiró

Preço: R$ 54,90

416 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-325-3116-2

Assuntos: FICÇÃO – ROMANCE/NOVELA

Selo: Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 29,90

Depois de conduzir o leitor a uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos e acompanhar de perto a rotina e as agruras das inseparáveis Odette, Clarice e Barbara Jean em Três amigas, todos os domingos o músico de formação e escritor Edward Kelsey Morre está de volta com mais uma história de amor, família e perdão, no lançamento Três amigas, no ritmo do blues. As três velhas amigas Odette, Clarice e Barbara Jean, que atravessaram tantos bons e maus momentos juntas, se esforçam para superar o passado e viver o presente de forma plena, aprendendo a transformar dor em amor. 

Odette e Barbara Jean são as melhores amigas de Clarice desde a infância. Por isso, durante o inusitado casamento da mãe de Clarice, as duas não medem esforços para manter alto o ânimo da amiga. Beatrice, talvez a religiosa mais devota da cidade, surpreendeu a todos ao aceitar se casar com Forrest Payne, dono do clube noturno com a pior reputação desde sempre. Durante a cerimônia, os convidados são surpreendidos por um dos blues mais tristes já ouvido, e não acreditam que o trôpego bluesman, que quase não conseguiu chegar ao altar da igreja, tenha sido capaz de uma interpretação tão impactante.

Quem está surpreso é Forrest Payne, amigo de El Walker há pelo menos 60 anos. Payne conseguiu convencer o bluesman a voltar à pacata Plainview depois de pelo menos 45 anos. El Walker havia jurado nunca mais colocar os pés na cidade em que teve tantos problemas e onde causou e sofreu tantas mágoas. Por um punhado de dólares e um pouco de chantagem emocional do velho amigo, ali estava ele, pronto para mais uma pequena temporada no Pink Slipper. Tão logo as apresentações fossem concluídas e ele conseguisse reunir novamente algum dinheiro, planejava partir para a Europa, onde o blues ainda tem algum prestígio. Os planos de El Walker não saem como o planejado e em pouco tempo ele está mais do que nunca envolvido na vida de pessoas das quais gostaria de já ter esquecido para sempre. 

Paralelamente cada uma das amigas vai tendo que lidar com seus próprios pequenos dramas. Clarice ganhou a chance de recomeçar sua vida, ter a carreira que sempre sonhou como pianista. Ela só não consegue entender por que tem se sentido tão insegura. Odette está dividida em se meter na vida da pessoa que mais ama, além de estar prestes a ter que dar uma notícia horrível para um amigo querido. Por sorte tem a mãe sempre por perto, mesmo que isso signifique ter que conviver com fantasmas, o que nem sempre é muito agradável. Edward Kelsey Moore consegue contar as diferentes histórias que compõem Três amigas com muita sutileza e elegância. Sem atropelos, revela pequenos segredos em momentos precisos, como se estivesse ele mesmo apresentando sua história no ritmo de um blues perfeito.  

Leia um trecho +

Comente  
Instagram

O AUTOR

Edward Kelsey Moore nasceu em Indiana, nos Estados Unidos, e se formou em música pela Universidade de Indiana. Ao longo de mais de duas décadas, Moore foi músico profissional, tocando violoncelo em orquestras como a Filarmônica de Chicago. Atualmente, ele vive em Chicago. Três amigas, todos os domingos é o seu primeiro livro.

Página do autor +