Capa do livro Pensando educação

Pensando educação

Com os pés no chão

Autor: tania zagury

Preço: R$ 24,90

176 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-68696-61-3

Assuntos: EDUCAÇÃO/PEDAGOGIA

Selo: Bicicleta Amarela

Disponível em e-book

Preço: R$ 16,90

E-ISBN: 978-85-68696-62-0

Em dezembro de 2017, Tania Zagury completou 50 anos de trabalho em Educação. Nesse meio século de sala de aula, testemunhou as mais diversas reformas (na estrutura curricular, nas metodologias, no conteúdo e na forma de avaliação, entre outras), mas pôde observar também que as mudanças introduzidas por sucessivos governos pouco ou nenhum resultado trouxeram a quem mais dele necessita: os alunos, especialmente os da rede pública. Mesmo com todas as reformulações, desde os anos 1980 o Brasil só tem tido más notícias quando o tema é qualidade de ensino. Nesse cenário, Pensando educação com os pés no chão traz análises de medidas e situações que ocorreram e/ou foram adotadas no país nas últimas décadas. O objetivo é fazer com que mais pessoas entendam suas causas e consequências – levando, dessa forma, a projetos mais realistas e pragmáticos.
 
“O que desejo – e sei que a maioria dos professores e pais (conscientes) também deseja – é que, afinal, nossas autoridades (e parte dos especialistas da área) parem de apresentar projetos e métodos educacionais divinos, maravilhosos e de vanguarda – porém totalmente distantes da realidade do Brasil – e entendam que, antes do sonho, se faz necessário, urgente e inadiável vencer etapas que são e darão base real e concreta para que se vença e supere a dura realidade da educação brasileira de hoje. Por isso e para isso é que ter os pés no chão se faz preciso! Já são décadas de derrotas: pensar criticamente a realidade do ensino se faz imprescindível”, escreve a autora.
 
Tânia destaca que o próprio MEC/INEP atestou, em 2016, que, ao final da 5ª série, mais da metade dos alunos continua mal sabendo ler e fazer cálculos matemáticos básicos, com “pequena melhora” ao final da 9ª série. Ao mesmo tempo, esse quadro gravíssimo deixa os professores em posição extremamente difícil: parte, após muita insistência, acaba desistindo; outros, suportando xingamentos, agressões físicas e até ameaças de morte, acabam sendo conduzidos a repetidas licenças médicas e à depressão. Para a autora, o professor hoje é um D. Quixote triste e solitário – sem Sancho Pança ou Dulcineia – que atua dia a dia contra novos e fortes inimigos: famílias sem autoridade, sociedade consumista, desprezo pelo saber e incentivo ao imediatismo.
 
Ela deixa claro que qualquer projeto educacional só terá sucesso quando as equipes docentes forem incentivadas a botar em prática medidas nas quais acreditem e saibam não estar destinadas ao insucesso. É com esse objetivo que Tania analisa a situação atual, que culminou na profanação do ambiente escolar, e repensa conceitos como evasão, inovação e a cultura da repetência, apresentando em seguida caminhos possíveis – relacionados a questões como a forma de gerir a escola moderna, a parceria entre família e instituição de ensino, liderança, autoestima, limites e ética. Assim, Tania Zagury espera contribuir com um futuro qualitativamente digno, igualitário e justo para as novas gerações de brasileiros – e Pensando educação com os pés no chão é dedicado a elas.


Comente  
Instagram

O AUTOR

Tania Zagury é filósofa, mestre em Educação, professora-adjunta da UFRJ e escritora com 25 livros publicados no Brasil e no exterior. É também conferencista e pesquisadora em Educação, com mais de seis mil palestras e cursos ministrados em todos os estados brasileiros. Foi articulista de educação do jornal A Tribuna (ES), das revistas Gestão Educacional, Profissão Mestre, Psicologia Brasil e do site Meu Bolso Feliz. Participa do Conselho Editorial de várias revistas pedagógicas de circulação nacional e tem, hoje, sete salas de leitura com seu nome. Foi eleita Personalidade Educacional 2014, em eleição promovida pela Associação Brasileira de Imprensa, Associação Brasileira de Educação e o jornal Folha Dirigida. No mesmo ano, recebeu a Comenda da Ordem da Educação pelo conjunto de sua obra.

Página do autor +