Capa do livro Um gosto de verão

Um gosto de verão

Autor: helen walsh

Tradução: Léa Viveiros De Castro

Preço: R$ 24,50

240 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-325-2966-4

Assuntos: FICÇÃO – ROMANCE/NOVELA

Selo: Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 16,00

E-ISBN: 978-85-812-2529-6

Pode a paz coexistir com o caos selvagem? Os leitores de Walsh irão descobrir virando essas

páginas e disparando para o final.  New York Times Book Review


Um gosto de verão é tenso e lírico, fervilhante e profundo. Walsh prova que

ficção literária e erotismo não são mutuamente excludentes. The Guardian


Cru, provocante e sexy. The Independent



Sol, desejo e obsessão dão a tônica do aclamado romance Um gosto de verão, da britânica Helen Walsh. Premiada com o Somerset Maugham e comparada a Irvine Welsh já em seu livro de estreia, a autora surpreende ao revisitar um tema recorrente na literatura – a chegada de um intruso que quebra o tênue equilíbrio de uma casa -, adicionando a ele luxúria, tensões psicológica e sexual em alta voltagem.


No livro, todo ano o casal Jenn e Greg viaja para a costa da Ilha de Maiorca, na Espanha, para passar o verão. Dessa vez, eles recebem a visita da enteada de Jenn, Emma, e seu namorado, Nathan. Mulher madura, Jenn jamais imaginou que a simples presença de um jovem belo e ousado pudesse despertar tamanho desejo, que evolui para a obsessão.


O cenário, aqui, é quase um personagem da trama: o calor, a atmosfera carregada de sabores e aromas, a geografia de contrastes de local, e as tempestades de verão contribuem para a autora construir a atração crescente que Nathan exerce sobre Jenn. O resultado é um romance explosivo, que narra a atração fulminante entre duas pessoas, capaz de desfazer o quebra-cabeça de uma vida em família.

Leia um trecho +

Comente  
Instagram

O AUTOR

Helen Walsh é autora de Brass,  um romance autobiográfico que lhe granjeou comparações com Irvine Welsh e o prêmio Betty Trask. Seu segundo romance,  Once upon a time in England, ganhou o prêmio Somerset Maugham de 2009. Ela vive em Merseyside e é consagrada pela crítica e pelo público leitor como uma autora ao mesmo tempo literariamente consistente e provocante. 

Página do autor +

MÍDIA

Paixão proibida
Correio Braziliense