Capa do livro Por que Só as Princesas Se Dão Bem?

Por que Só as Princesas Se Dão Bem?

Autor: thalita rebouças

Ilustração: Fabiana Salomao

Preço: R$ 44,90

36 pp. | 21x28 cm

ISBN: 978-85-62500-56-5

Assuntos: ROCCO PEQUENOS LEITORES, INFANTIL

Selo: Rocco Pequenos Leitores

Disponível em e-book

Preço: R$ 18,00

E-ISBN: 978-85-812-2314-8

Fenômeno da literatura juvenil nacional com mais de 1,4 milhão de livros vendidos, Thalita Rebouças estreia na literatura infantil com Por que só as princesas se dão bem?, um conto de fada às avessas que vai conquistar as leitoras mirins. Com capa dura e ilustrado por Fabiana Salomão, o livro traz o estilo bem-humorado da escritora que conquistou os adolescentes, agora contando a história de Bia, uma garota apaixonada por princesas... até se tornar uma!

A inspiração para o livro veio de uma Bia de carne e osso – a afilhada de Thalita –, que emprestou seu nome à protagonista da história, e não à toa é bem parecida com ela: esperta, “perguntadeira”, sonhadora e fascinada por histórias de princesas. A Bia do livro, no entanto, vai mostrar para a Bia de verdade, e para todas as meninas que sonham em se tornar princesas, que nem tudo são flores, coroas e príncipes encantados na vida dessas personagens.

A história começa com a mãe de Bia lendo um livro para ela antes de dormir. Depois do tradicional “..E a princesa se casou com o príncipe, e eles foram felizes para sempre”, vem a primeira de muitas perguntas: “Mãe... Só as princesas são felizes para sempre?” Daí pra frente, é um tal de querer saber por que só as princesas se dão bem nas histórias, por que elas são as mais bonitas, por que só elas arrumam um príncipe no final, que a mãe desiste de responder a tantas dúvidas. E não adianta nada arriscar um “Mas você é a princesa da mamãe”, afinal, princesas vivem em lindos castelos, e a Bia não é menina de se deixar enganar: “Não adianta nada ser a sua princesa. Nem castelo você tem.”

O que Bia não esperava é que, antes de pegar no sono, ela fosse levada para dentro do livro que estavam lendo. E de uma hora para outra, se tornasse uma princesa de verdade! Mas é justamente aí que a tão sonhada vida de princesa começa a se tornar um verdadeiro pesadelo. Regras, regras e mais regras. Do cabelo aos sapatos, Bia descobre que não pode escolher o que usar, comer ou fazer. Escola, amigos, brincadeiras? Nada disso, princesas estudam em casa e cumprem uma exaustiva agenda de eventos (chatos). E o pior de tudo: nada de perguntas. “Princesas não fazem mil perguntas. Princesas cumprem seu papel e olhe lá”, diz Fedegunda, a assistente número 3 da princesa Bia.

Repleto de situações inusitadas, tiradas e diálogos engraçados, não é preciso dizer que o dia de princesa de Bia foi um completo desastre. Mas será que agora ela pode voltar a ser uma menina comum? Embarque nessa divertida viagem ao mundo das princesas na estreia de Thalita Rebouças na literatura infantil e descubra.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Fofa. Com olhos verdes e brilhantes a refletir o constante sorriso. Elétrica. Um doce de 220 volts. A escritora mais animada do Brasil — segundo a própria. Esta é Thalita Rebouças: carioca até a raiz dos cabelos, teimosa como toda escorpiana, portelense e apaixonada pelo tricolor das Laranjeiras.

Página do autor +