Capa do livro Noite Eterna

Noite Eterna

Trilogia da Escuridão

Autor: guillermo del toro e chuck hogan

Tradução: Paulo Reis E Sergio Moraes Rego

Preço: R$ 44,50

416 pp. | 14 x21 cm

ISBN: 978-85-325-2748-6

Assuntos: FICÇÃO – ROMANCE/NOVELA, VAMPIROS, FICÇÃO CIENTÍFICA/DISTOPIA

Selo: Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 25,00

E-ISBN: 978-85-8122-429-9

A magia e a força narrativa da dupla Guillermo de Toro e Chuck Hogan – o primeiro consagrado pelo premiadíssimo filme O labirinto do fauno, e o segundo, reconhecido por Stephen King como um dos maiores escritores de suspense da atualidade - continuam agora na conclusão da Trilogia da Escuridão, iniciada com o best seller Noturno. Em Noite eterna, a dupla encerra uma saga épica aterradora e vertiginosa, que atualiza as tradicionais histórias de vampiros ao adicionar a elas um suspense eletrizante, com estrutura de investigação policial comparável à de séries de sucesso como CSI, em que os protagonistas têm um olhar científico sobre os fatos.

No terceiro volume da saga, os bebedores de sangue, infectados por um vírus letal, ganharam a guerra. Em uma noite aterrorizante, denominada Noite Zero, um terço da humanidade foi eliminada. No período de apenas setenta e duas horas, legisladores, magnatas e intelectuais, rebeldes e figuras muito queridas do público, foram mortos. A execução foi rápida, pública e brutal. As hordas de sanguessugas assumiram o controle das ruas. Os batalhões de choque, a SWAT, o Exército Americano – todos foram sobrepujados pelos monstros. E o planeta está envolto por uma camada negra que faz prevalecer a escuridão durante a maior parte do dia.

Depois do sucesso retumbante de seu plano, o Mestre, líder absoluto do movimento dos vampiros, normalizou a situação planetária restaurando uma falsa estrutura de ordem e rotina. Assim, água, energia, as redes de televisão, com seus noticiários, obviamente reprisados, voltaram para os humanos sobreviventes. Ele sabia que deveria haver uma proporção de humanos para alimentar seu exército de strigoi, agora alimentados preferencialmente com sangue B positivo.

Na cruzada contra os monstros, poucos resistem. Abraham Setrakian, por exemplo, o professor universitário que, após a morte da esposa por vampiros, tornou-se obcecado pela caça e destruição dos strigoi, está morto. Ele era o único capaz de desvendar o misterioso Occido Lumem – um texto arcaico escrito em linguagem sumeriana que continha a chave para a destruição da peste que assolava todo o planeta. Kelly Goodweather, ex-mulher de Ephraim, fora transformada e está cativa do Mestre junto do seu filho Zack. E o jovem imagina ter sido abandonado pelo pai.

Com uma narrativa ágil, Noite eterna remete à ideia do Apocalipse, um mundo sem retorno, onde a única saída pode ser a destruição total para que então se comece do zero. O fim dos tempos está próximo. Nele, todos e tudo que se conhecia terão desaparecido. Neste momento, todos os relacionamentos são baseados na força e no domínio. Esta é a crença dominante nesta nova ordem mundial contaminada pelo vampirismo. E nada indica que ela poderá ser efetivamente derrotada.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Guillermo del Toro nasceu e foi criado em Guadalajara, no México. Estreou como diretor de cinema em 1993 com Cronos e, desde então, dirigiu filmes como Mutação, A espinha do diabo, Blade II, Hellboy I e II e O labirinto do fauno, incensado pela crítica em todo o mundo e vencedor de três Oscar. Seus próximos projetos para a tela grande incluem a direção de dois filmes baseados em O Hobbit, de J. R. R. Tolkien, com produção de Peter Jackson. Noturno é seu primeiro livro.

Página do autor +