Capa do livro A Mosca Azul

A Mosca Azul

Reflexão Sobre o Poder

Autor: frei betto

Preço: R$ 32,00

320 pp. | 12,5x19 cm

ISBN: 85-325-2006-5

Assuntos: BIOGRAFIA/MEMÓRIAS/DIÁRIOS, REPORTAGEM/RELATOS

Selo: Rocco

Disponível em e-book

Preço: R$ 22,00

E-ISBN: 978-85-8122-441-1

Histórico militante da esquerda brasileira analisa, em primeira pessoa, a chegada do PT ao poder

Um dos mais esperados livros do ano, A mosca azul é uma revisão honesta da ascensão do PT ao poder vinculada à recente história da esquerda no Brasil e no mundo. Com uma narrativa em primeira pessoa, Frei Betto mescla sua trajetória pessoal à militância política e resgata o sonho de testemunhar "um outro mundo possível" com base nos ideais do socialismo.

O livro não se resume à sua passagem pelo governo Lula à frente do Programa Fome Zero – embora o autor admita a importância do programa para distribuição de renda aos mais pobres através do Bolsa Família. Traz a memória do pai – um guerreiro da esperança – que até o final da vida lutou por seus ideais. Da militância, relembra o cenário político que favoreceu a criação do PT, fala dos momentos importantes que ajudaram a sedimentar a amizade com o presidente Lula e admite a decepção com parcela da esquerda fisgada recentemente pela "mosca azul" no ápice do poder. O escritor saiu do governo pouco antes do episódio conhecido por escândalo do "mensalão" .

Fascinado pelos fatos que marcaram a história, Frei Betto mergulha nas circunstâncias que geraram o efeito Lula e culminaram na eleição do líder sindical a Presidente da República em 2002.

Na viagem ao passado, fala com convicção do ideal construído pela nova esquerda após o golpe militar de 1964, da estratégia política voltada para a capacitação de novas lideranças no movimento popular, da estrela erguida pelo PT sustentada pelo sonho de uma sociedade mais justa.

Foi testemunha ocular do movimento popular nascido no pós-64 e um dos principais colaboradores para o seu fortalecimento no país. O autor recorda os momentos difíceis que enfrentou na prisão durante a ditadura militar e sua travessia até chegar ao contato direto com o povo para se transformar num dos mais destacados militantes do movimento social.

Recheado de dados históricos e demonstrando – a cada vez mais rara – capacidade de elaborar uma análise conjuntural neste cenário globalizante, Frei Betto faz uma reflexão profunda sobre os novos paradigmas da esquerda no Brasil e no mundo. Citando filósofos como Platão e Aristóteles, e dialogando com Maquiavel, entre outros pensadores, o autor analisa o que significa ser de esquerda após a queda do Muro de Berlim. Uma das principais mensagens do livro é a aposta no atual desafio de os partidos políticos reencontrarem o vínculo com o movimento popular.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Frei Betto é considerado uma das vozes mais ativas na luta pela justiça social na América Latina. Escritor consagrado, vencedor de dois prêmios Jabuti, tem mais de cinquenta livros publicados no Brasil e no exterior, que refletem sua trajetória como militante político e talentoso ficcionista.

Página do autor +