A menina que tinha dons

Sucesso de M.R. Carey será adaptado para o cinema [atualizado em agosto/ 2015]
26 de março de 2015


a menina que tinha dons

Shh… eles estão vindo. Começam em maio as filmagens de She Who Brings Gifts, longa baseado em A menina que tinha dons, distopia de M.R. Carey que marcou a estreia do nosso selo Fábrica231 em outubro.  As atrizes Glenn Close (Atração fatal, Guardiões da galáxia)  e Gemma Arterton (007 – Quantum of Solace) estrelam a produção, que será dirigida por Colm McCarthy, diretor de episódios de Peaky Blinders, Sherlock e Doctor Who. O roteiro é assinado pelo próprio Carey, conhecido entre os fãs de quadrinhos pelo trabalho em HQs de sucesso da Marvel e DC Comics, como X-Men, Quarteto Fantástico e Hellblazer, sob a assinatura Mike Carey. She Who Brings Gifts ainda não tem previsão de lançamento.

[ATUALIZAÇÃO: 12/08/2015]: Confiram fotos das filmagens em Birmingham, no Reino Unido.

She-Who-Brings-Gifts-2_via birmingham mail

Gemma Arterton e Glenn Close nas filmagens, em Birmingham. [via Birmingham Mail]

shewhobringsgifts_via Birmingham mail

Gemma Arterton nas filmagens, em Birmingham. [via Birmingham Mail]

She-Who-Brings-Gifts-7_via birminham mail3

Gemma Arterton e Glenn Close nas filmagens, em Birmingham. [via Birmingham Mail]

She-Who-Brings-Gifts-4_via birmingham mail

[via Birmingham Mail]

 

image_viatimeout2

Filmagens de “She Who Brings Gifts”, em Birmingham. [via Time Out Birmingham]

Sobre A menina que tinha dons

Em um mundo pós-apocalíptico, um fungo dizima quase toda a população mundial, mas um pequeno grupo de sobreviventes luta pela vida e pela cura dentro de uma base militar. É lá que vivem a menina Melanie e seus amigos, mantidos presos e isolados em celas individuais. Considerada especial pelos professores e pesquisadores da base, Melanie sonha em conhecer o mundo exterior, sem desconfiar que esse está prestes a se mostrar em toda sua selvageria.

Leia também:
 De multiartistas e zumbis transmídia: os caminhos de A menina que tinha dons, por João Eduardo Veiga.

TAGS: A menina que tinha dons, CINEMA, distopia, Fábrica231, M. R. Carey,

Comentários sobre "A menina que tinha dons"

  1. Nem acredito *-* ou melhor, acredito sim. O livro, além de se INCRÍVEL, ASSUSTADOR E EMOCIONANTE, tem tudo para virar uma obra cinematográfica. Eu li o livro pensando nisso.
    Shhh… eles estão vindo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *