PALOMA VIDAL E ELISA PESSOA

O AUTOR

Paloma Vidal nasceu em Buenos Aires e desde os dois anos vive no Brasil. Publicou, entre outros, os livros de contos A duas mãos (7Letras, 2003) e Mais ao sul (Língua Geral, 2008); os romances Algum lugar (7Letras, 2009) e Mar azul (Rocco, 2012); e as peças Três peças (Dobra, 2014). Escreve no blog “Lugares onde eu não estou” (www.escritosgeograficos.blogspot.com), um diário poético que resultou na publicação dos livros Durante e Dois (7Letras, 2015). É editora da revista Grumo (www.salagrumo.com) e organizou para a editora Rocco a coleção Entrecríticas, que reúne ensaios de crítica contemporânea. Traduziu vários autores, como Clarice Lispector, Tamara Kamenszain e Margo Glantz. É professora de Teoria Literária na Universidade Federal de São Paulo.
 
Elisa Pessoa iniciou seu trabalho com fotografia e Super8 nos anos 1990, ao mesmo tempo em que se formou em Ciências da Educação e em Artes Visuais em Paris. De volta ao Brasil, desde 2005 vem realizando vídeos, videoinstalações e vídeo-intervenções. Em 2006, foi contemplada pelo Rumos Itaú Cultural com o vídeo-dança Passagem. Em 2009, foi residente no Centre International Les Recollets, de Paris. Recebeu em 2010 e 2015 o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea. Em 2013, ganhou a Bolsa Funarte de estímulo à criação artística. Participou de exposições coletivas, como a Nova Arte Nova (CCBB RJ e SP), Fumées (2015, Hotel Paris – RJ), entre outras. De suas exposições individuais, destacam-se: Porta-retrato (2007, Galeria A Gentil Carioca – RJ); Em círculo (2008, Galeria do Lago do Museu da República – RJ);  ¼ (2011, Espaço Funarte – SP); Diálogo (2013, Antiga fábrica da Bhering – RJ).
 

Comente  
Instagram
OBRA COMPLETA