Capa do livro A busca sofrida de Martha Perdida

A busca sofrida de Martha Perdida

Autor: caroline wallace

Tradução: Santiago Nazarian

Preço: R$ 39,50

304 pp. | 14x21 cm

ISBN: 978-85-9517-006-3

Assuntos: FICÇÃO – ROMANCE/NOVELA

Selo: Fábrica231

COMPRE O LIVRO

Disponível em e-book

Preço: R$ 26,00

E-ISBN: 978-85-95170-07-0

Em A busca sofrida de Martha Perdida, Caroline Wallace oferece aos leitores um conto de fadas moderno, que começa com o tradicional “Era uma vez” para narrar a história de Martha, abandonada ainda bebê em um terminal de trens no Reino Unido e criada pela mulher que cuida do setor de Achados e Perdidos da estação. Ao receber uma mensagem anônima dizendo que lhe contaram mentiras sobre sua origem, a jovem começa uma busca pela própria identidade, que pode lhe trazer resultados surpreendentes.
 
Na estação de trem Lime Street, em Liverpool, no Reino Unido, mora a jovem Martha. Com 16 anos, ela não faz ideia de quem são seus pais biológicos: sabe apenas que foi encontrada em uma mala abandonada dentro de um trem que vinha de Paris e passou 90 dias em uma prateleira, esperando que alguém viesse buscá-la. Como ninguém apareceu, a jovem foi criada pela rigorosa Mãe, responsável pelo setor de Achados e Perdidos da estação, e nem sequer tem sobrenome, sendo chamada de Perdida desde o berço.
 
Outra peculiaridade de Martha é nunca ter saído de Lime Street. A adolescente cresceu ouvindo da Mãe que, se botasse os pés fora da estação, o prédio desabaria, porque ela seria como os pássaros de bronze no topo do Royal Liver Building: há uma lenda em Liverpool dizendo que, se os pássaros voarem, a cidade deixará de existir. Sem perceber, Martha é vítima da loucura da Mãe, mulher cruel e fanática religiosa, que a acusa de ser filha do diabo e não perde a chance de puni-la pelas mínimas coisas.
 
Apesar da criação rígida, Martha se torna uma jovem doce e sorridente, apaixonada por livros e com o dom de descobrir a história de itens perdidos. Em Lime Street, ela é querida por todos que a cercam: desde a melhor amiga, Elizabeth, dona do café da estação, ao carteiro Drac e o faxineiro Stanley, passando por Jenny Jones, que trabalha em um quiosque, e o misterioso William, morador dos túneis abaixo do edifício. Há ainda o jovem George Harris, que aparece quase que diariamente no entorno do setor de Achados e Perdidos somente para ver Martha.
 
Paralelamente, na Austrália, o escritor Max Cole encontra uma mala que teria pertencido a Mal Evans, antigo assistente e amigo dos Beatles, repleta de material valioso sobre a banda, incluindo gravações inéditas. Cole, que comprou a mala em um mercado de pulgas, sem fazer ideia de seu conteúdo, está a caminho de Liverpool para verificar a autenticidade dos objetos e espera ganhar um bom dinheiro com eles.
 
Em A busca sofrida de Martha Perdida, Caroline Wallace conta uma história envolvente, que mistura ficção e fatos reais – Mal Evans existiu, era próximo dos Beatles e acabou morto pela polícia nos Estados Unidos, tendo suas cinzas perdidas ao serem enviadas para a Inglaterra. Com uma narrativa deliciosa, a autora convida a acompanhar Martha em uma jornada emocionante e surpreendente, cujas respostas podem estar mais perto do que se imagina, num livro que é a mistura perfeita de A invenção de Hugo Cabret e O fabuloso destino de Amelie Poulain.

Comente  
Instagram

O AUTOR

Caroline Wallace foi professora durante muitos anos até ingressar na ficção. Ela vive em Liverpool com seu marido e filhos.

Página do autor +